Dicas básicas para evitar problemas com bagagem, ítens proibidos e limite de compras no exterior

Priscila Truzzi - 22 de Abr, 2015
Tudo pronto, roteiro perfeito, hotéis contratados, passeios programados mas tem um ítem que se não estiver no check-list pode causar problemas, custos e transformar a viagem dos sonhos num pesadelo! Esse tipo de informação não está bem clara nos sites de cias aéreas e empresas de turismo pois existem muitas variações de acordo com a empresa aérea contratada e as regras mudam com frequência então a dica é ler tudo sobre no menu "bagagem" no site da cia aérea e consultar sites oficiais como o da Receita Federal. Para evitar problemas é melhor seguir as regras pois o prejuízo pode ser grande e a maioria dos países da Europa e Ásia seguem as leis trabalhistas que são bastante rigorosas nesses países.

Bagagem de Mão

A bagagem de mão é aquela que vai dentro avião e por isso é de inteira responsabilidade do passageiro. A soma das dimensões (largura x altura x comprimento) não pode ultrapassar 115 cm e não pode exceder 5 kg. Essa bagagem deve ser colocada embaixo do assento ou no compartimento da parte superior da aeronave.
Ítens Permitidos: Guarda-chuva, bengala, sobretudo, manta, cobertor, máquina fotográfica, lap-top, livros, muletas, aparelhos ortopédicos, cadeira de rodas e carrinho de bebê. A cadeirinha do carro pode ser levada para crianças de 2 a 12 anos e que pagam assento e devem ser presas no banco com o cinto de segurança. Crianças com menos de 2 anos e que pagam 10% do valor do bilhete podem levar comida especial para bebê e uma maleta com ítens como mamadeira, fralda e etc...
Não é permitido levar em vôos internacionais nenhum tipo de líquido, gel ou creme e objetos cortantes. Somente será permitida a quantidade de até 100 ml por frasco para remédios e ítens de necessidade básica como desodorante e creme dental (capacidade máxima por pessoa - 1 litro). Caso você se esqueça de tirar da bolsa algum desses objetos o mesmo será retido durante a revista e pode esquecer porque você nunca mais irá recuperar então cuidado para não deixar cremes caros na bolsa, já passei por isso esqueci de tirar um Biogevertures da Biotherm de 300ml que custa mais de R$ 400,00 e bau bau tive que comprar outro na viagem.

Bagagem Despachada


A bagagem despachada é aquela que vai no porão da aeronave. É permitido levar 2 bagagens de 23 kg ou 32kg por pessoa para passageiros que voam em classe econômica. Quando a bagagem ultrapassar o tamanho máximo permitido ou o peso será cobrada uma taxa. Em alguns países bagagens com peso muito excedente não são carregadas e ficam no aeroporto então cuidado não inventa de trazer um MOAI da Ilha de Páscoa mesmo se couber na sua mala...eu trouxe mas dei muuuuita sorte, melhor não tentar de novo.
As bagagens especiais como vara de pescar, pranchas de surf, bicicletas, ski/snowboard, kite surf, instrumentos musicais sofrerão taxação com valor em torno de USD 100,00 por unidade. Na franquia estão incluídas bolsas de golf, skate, boliche, bodyboard, bolas vazias e patins.
Poderão ser despachados medicamentos e artigos de higiene como perfumes, bebidas alcóolicas que somem no máximo 2 litros.



Limite de Compras e porte de valores


O viajante pode sair ou entrar no Brasil portando no máximo a quantia de R$ 10.000,00, valores excedentes devem ser declarados. Com relação a compras no exterior é permitido o ingresso com bens utilizados durante a viagem, presentes e enxoval de bebê não são ítens de uso pessoal podendo ser taxados. Ou seja só pode ingressar com roupas compradas e ítens de higiene e beleza que foram utilizados durante a viagem dentre eles pode comprar uma máquina fotográfica, um celular e um relógio então é imprescindível tirar etiquetas, jogar embalagens fora e claro as notas também, já inveitei de guardar as notinhas para contabilidade e pegaram todas na minha bolsa, eles revistam tudo! Bens de uso pessoal usados não entram na cota e não são tributáveis mas pode trazer uma unidade de cada produto apenas. Notebooks e i-pads não podem ser adquiridos sem o pagamento de impostos então se for levar algum usado do Brasil precisa levar a nota fiscal ou aDeclaração Eletrônica de Bens de Viajante (e-DBV) realizada em viagens anteriores.. Esses ítens que ultrapassam a cota deverão constar naDeclaração Eletrônica de Bens de Viajante(e-DBV) e serão tributados a uma alíquota única de 50%, aplicada sobre o valor excedente.. Não adianta mentir porque eles tem um sistema que identifica o nº do lote do produto e sabem a origem. O limite para compras não declaradas é de USD 500,00 por pessoa. Caso você for arriscar tenha dinheiro em conta ou alguém no desembarque para te ajudar pois se for pego na fiscalização terá que pagar os impostos em dinheiro "vivo" dólar ou reais, eles só aceitam débito. Se não tiver dinheiro para pagar, a bagagem fica retida e a viagem pode ter um final muito traumatizante.
As regras continuam as mesmas mas a Receita Federal divulgou que vai intensificar a fiscalização ainda no primeiro semestre de 2015. Os fiscais terão acesso a informações como peso da bagagem, origem dos vôos e tempo de viagem. Essas informações serão fornecidas pela cia aérea previamente para a receita federal que vai saber quais são os possíveis suspeitos. Produtos adquiridos no Free-Shop do Brasil não entram na cota então nesse caso você poderá gastar USD 500,00 no exterior e mais USD 500,00 no Free-Shop. Os produtos dentro da cota possuem um limite de unidades conforme exemplos abaixo:
12 litros de bebida alcoólica
10 maços de cigarro, contendo, cada um, 20 unidades;
25 unidades de charutos ou cigarrilhas
250 gramas de fumo
20 unidades de bens (souvenirs e pequenos presentes), de valor unitário inferior a US$ 10,00 desde que não haja mais do que 10 unidades idênticas
20 unidades de bens, desde que não haja mais do que 3 unidades idênticas


O que pode e o que não pode levar

Roupa Ideal: Tudo bem confortável e sem fivelas porque você pode passar por situações constrangedoras na vistoria. Minha sugestão é tênis, meia, calça legging ou moleton, camiseta e uma blusa de frio ou jaqueta porque faz frio dentro do avião.
O que levar na bagagem de mão: O primeiro ítem a ser colocado e checado é a documentação (passaporte, visto, validade dos documentos, vacinas, seguros e nomes (o seu nome deve ser exatamente igual no seu documento e na sua passagem), o dinheiro pode ser levado em porta notas na cintura. Depois pode pensar em levar bolsinha de maquiagem pequena, escova e pasta de dente, óculos escuros, celular (não esqueça de desligar dentro da aeronave), notebook ou i-pad, 1 troca de roupa íntima e 1 camiseta ( a gente nunca sabe quantas horas pode ter que fica no aeroporto), 1 livro ou revistas, papel e caneta.
Ítens proibidos: Armas, explosivos, substâncias químicas, líquidos inflamáveis, radioativos e corrosivos, agentes biológicos e produtos perecíveis.




0 Comentário:
Deixe seu comentário: