Conhecer o Brasil ainda é uma ótima opção para gastar menos em tempos de dólar nas alturas!

Priscila Truzzi - 05 de Abr, 2015
Este é o momento de pensar bem e talvez rever o destino. Abaixo faço a comparação de valores entre 3 viagens com mesmo padrão de hotéis, passagem aérea, serviços e para a mesma data. Assim podemos ter uma idéia melhor de valores para auxiliar na tomada de decisão mas na realidade o sucesso da viagem depende das necessidades de cada um e o custo não deve ser o único motivo para a escolha de uma viagem.
Pelo que tudo indica o dólar alto veio para ficar, porque a situação financeira dos Estados Unidos está se estabilizando e com isso a moeda está sendo valorizada em relação as demais economias do mundo e ainda temos fatores internos de instabilidade política e inflação para complicar a situação. Esse movimento financeiro é algo que se observa em várias economias do mundo. Com relação ao euro ainda existe uma preocupação com a oscilação das moedas por isso a opção mais segura para quem vai viajar ainda no 1º semestre é optar pela viagem nacional.
Mesmo com o câmbio nas alturas muitos turistas ainda preferem pagar um pouco mais por uma viagem internacional do que investir num destino nacional no qual os valores exorbitantes de serviços e outros ítens são vistos como uma exploração além da falta de segurança e infra-estrutura.
As viagens para a Europa também estão ficando mais vantajosas pois com o dólar na casa dos 3.25 e o euro na casa dos 3.45 a diferença ficou um pouco menor.
Uma viagem ao exterior demanda não só valores maiores para a aquisição dos serviços como passagem aérea, hospedagem e passeios mas também é preciso reservar um dinheiro extra para levar e assim fugir do IOF.

Colocamos abaixo as nossas dicas para evitar dívidas e surpresas na hora de escolher o destino ideal e os serviços mais adequados aos seus interesses:

1. preferência por destinos nacionais nesse momento. Uma opção de resort com sistema de alimentação "All Inclusive" seria a ideal porque você saberá exatamente quanto vai gastar no final da viagem, podendo dessa forma determinar as prestações que cabem no seu bolso e não precisará mais se preocupar com o dinheiro que precisa reservar para despesas com alimentação e extras.

2. Não compre nenhum serviço com cartão de crédito em sites estrangeiros pois será cobrado além do valor exposto, um imposto chamado IOF (imposto sobre operações financeiras) numa porcentagem de 6,38%, por exemplo se você pagar R$ 5.000,00 pela estadia será acrescido um valor de R$ 319,00. Além disso o valor em reais é uma base para o câmbio do dia da compra e pode aumentar até a data de pagamento da sua fatura.

3. Procure promoções de câmbio fixo e compare com a concorrência pois o valor em dólar pode ser mais alto para compensar o câmbio.

4. Este é o momento de escolher uma oportunidade ao invés de um destino, como as vendas registraram queda, em geral todas as empresas ligadas ao turismo como cias aéreas, hotéis e agências de viagem estão liquidando alguns lugares para manter seu público. A chave é pesquisar, comparar e ter flexibilidade.


Existe uma polêmica em torno da questão do preço de viagens internacionais com relação às nacionais por isso fiz abaixo uma comparação com viagens para 3 destinos na mesma data, categoria de hotel, passagens aéreas com horários e trechos viáveis e locação de carro.O que acontece é que para a maioria das pessoas a comparação se dá em categorias diferentes. A maioria dos viajantes não se importa de ficar em um hotel simples na Europa pois a justificativa é de que vão ficar o dia todo na rua fazendo passeios e o hotel seria somente para dormir e tomar banho ou no caso dos Estados Unidos a economia com hospedagem é justificada pelas compras, melhor economizar em hospedagem e gastar nos outlets. Agora quando se fala de Brasil para valer a pena a escolha tem que ser por um resort e de preferência All Inclusive porque não tem infra-estrutura próxima, não tem o mesmo glamour de uma viagem interncional, são inúmeros os motivos... aí claro que fica muito mais caro viajar pelo Brasil.


Pensei em destinos com atividades para criança e para os pais e que tivesse um hotel de mesma rede e categoria então escolhi:

Fortaleza - Ceará

Orlando - Flórida (EUA)

Paris - França.

Família: 2 adultos e 1 criança
Período: 23/05 a 30/05 para Brasil e 23/05 a 31/05 para internacionais (07 noites no destino)

O mais barato ainda é o Brasil!

FORTALEZA sai por R$ 4.940,00 (valor da família com taxas)

Incluindo:
Passagem aérea em classe econômica Guarulhos/Fortaleza/Guarulhos com a cia Avianca;
7 noites de hospedagem no Hotel Holiday Inn sem refeições - tarifa não reembolsável;
Locação de veículo econômico em tarifa promocional.

1 dia de ingresso básico no Beach Park custa R$ 180,00 por adulto e R$ 170,00 por criança.
Hotel Holiday Inn Fortaleza. Imagem: Divulgação.

Ainda compensa fazer compras nos Estados Unidos, apesar do dólar alto!

ORLANDO sai por R$ 9.959,00 (valor da família com taxas)

Incluindo:
Passagem aérea em classe econômica São Paulo/Miami/Orlando/Miami/São Paulo com a cia American Airlines;
7 noites de hospedagem no Hotel Holiday Inn Walt Disney sem refeições - tarifa não reembolsável.
Locação de veículo categoria econômica em tarifa promocional.

1 dia de ingresso básico nos Parques Disney custa R$ 403,44 por adulto e R$ 377,20 por criança.
Holiday Inn Walt Disney. Imagem: Divulgação.

Viagens para a Europa estão com valores mais razoáveis se comparado à outros destinos internacionais mas ainda fica caro!
PARIS sai por R$ 15.855,00 (valor da família com taxas)
Incluindo:
Passagem aérea em classe econômica São Paulo/Zurique/Paris/Zurique/São Paulo com a cia Swiss;
7 noites de hospedagem no Hotel Holiday Inn Paris Gare de Lyon sem refeições - tarifa não reembolsável.
Locação de veículo categoria econômica em tarifa promocional.

1 dia de ingresso básico na Disneylândia (Eurodisney) custa R$ 314,16 por adulto/criança.



Selecionamos alguns destinos imperdíveis e brasileiros que você precisa conhecer! Quem sabe com o valor de uma viagem internacional você não faz duas viagens sensacionais pelo nosso Brasil brasileiro!

Paraty, Rio de Janeiro
É uma delícia, um pedacinho da história brasileira com muito, muito charme bem pertinho! Saímos para jantar nos restaurantes do centro histórico tive a sensação de estar em Veneza, aliás pelo movimento das marés as àguas do Oceano avançam e invadem a pequena cidade. As ruas foram projetadas para permitir a entrada e a saída da àgua do mar e as casas foram construídas 30 cm acima do nível das ruas para evitar a entrada das àguas. A noite em Paraty só acaba com o raiar do sol porque as pessoas caminham e conversam noite a dentro. É uma cidade cheia de jovens, bares, pubs e restaurantes.
As ferinhas de artesanato estão por todos os lados, festas locais, feiras de livros e fotografia...a cidade respira cultura!

Pousada do Sandi - Paraty / RJ. Imagem: Divulgação.



Jericoacoara, Ceará
É longe mas vale a pena! A sensação de chegar em Jericoacoara e sentir o vento forte tocando a pele é indescritível.
A brisa é tão forte que não precisa de ventilador, nem de ar condicionado. Ficamos hospedados no no Hotel Rancho do Peixe, Praia do Preá. Os aptos são construídos com uma abertura entre o teto e as paredes de forma que a ventilação é natural.Por causa do vento forte também não tem insetos então pode deixar o repelente em casa. Aliás tudo é natural, o que torna a experiência simplesmente única. O chuveiro fica numa área sem telhado então enquanto toma banho você pode admirar as estrelas.Não perde em nada para os hotéis caribenhos e ainda tem dunas lindas e comida muito barata.

Rancho do Peixe - Praia do Preá. Imagem: Divulgação.

Praia do Espelho - Bahia
Aqui é o verdadeiro paraíso boutique ou seja praia deserta com muito conforto e exclusividade. Que tal tomar café em uma mesa posta especialmente pra você na beira da praia? com tudo bem quentinho e feito na hora! nada de buffet, você escolhe o que quer comer! Depois pode tomar um banho de mar em piscinas naturais de àgua quentinha e deitar em verdadeiros colchões infláveis com muitas almofadas debaixo da sombra de chapéus de sol e ler um livro ou ouvir música.
Pode beber e comer um peixe assado na telha no horário marcado sem sair do lugar! Nada de andar kilômetros até a praia ou até a piscina como vemos nos resorts.
Tem a querida Janete, uma figura muito especial que faz massagem com hora marcada na beira da praia, não se preocupe a praia é deserta! Tem muito restaurante bacana para comer à noite mas para chegar você precisa caminhar 20 minutos a pé a beira mar com uma lanterna, só você a Lua e quem sabe uma companhia especial, muito romântico!

Pousada Enseada do Espelho. Imagem: Divulgação.


Gramado - Rio Grande do Sul
Pedaçinho da Europa com comida deliciosa e paisagem encantadora. Neste destino você pode conhecer vínícolas, muito sobre a história da imigração alemã e italiana e ainda tem uma estação de ski.
Tem lareira, banheira, vinho, flores, brunch inesquecível para você começar o dia na hora do almoço. Lugar ideal para namorar e pensar com conforto e requinte.

Hotel Varanda das Bromélias. Imagem: Divulgação.

Dica para ler na viagem: A origem das nossas idéias entre o Sublime e o Belo - Edmund Burke.







0 Comentário:
Deixe seu comentário: